Dante desconfia de bandido, e Juliano solta bomba para o policial

Policial decide procurar Juliano para ouvir a versão do ex-lutador

 Após o sequestro de Tóia, Dante  começa a desconfiar das atitudes estranhas de Guerra. Sem conseguir tirar a terrível ideia da cabeça, o policial decide procurar Juliano para ouvir a versão do ex-lutador.

 "Eu não devia confiar em você, mas, resolvi vir aqui pagar pra ver", desabafa Dante. Com o argumento na ponta da língua, Juliano incrimina o bandido: "O Guerra tá sempre por perto quando a facção se dá bem, já percebeu? Quem tava com o Faustini quando ele morreu? Quem defendeu com unhas e dentes o falso médico, o doutor Paulo, no meu interrogatório? O Guerra!".

Fonte: Com informações do GShow