Em ‘Babilônia’, Após chantagem, Beatriz chama Inês para trabalhar com ela

. No capítulo desta sexta-feira, a mulher de Evandro (Cássio Gabus Mendes) vai convidar a mãe de Alice (Sophie Charlotte) para trabalhar no escritório de Teresa (Fernanda Montenegro)

Ao perceber que Inês (Adriana Esteves) não vai desistir de lhe perseguir, Beatriz (Gloria Pires) resolve manter a inimiga bem perto, em “Babilônia”. No capítulo desta sexta-feira, a mulher de Evandro (Cássio Gabus Mendes) vai convidar a mãe de Alice (Sophie Charlotte) para trabalhar no escritório de Teresa (Fernanda Montenegro).


As duas conversam na construtora quando o clima fica tenso. “Por que os nossos reencontros são sempre tão agressivos, Inês?”, pergunta Beatriz. “Porque você me trata como uma... Como se eu fosse invisível”, retruca Inês. “Não é verdade! Nós fomos tão amigas na adolescência, a vida nos separou, mas não foi culpa minha, nem sua, nem de ninguém. Mas eu já devia ter aprendido que não posso te ignorar”, diz a filha de Estela (Nathalia Timberg).

Inês lamenta o fato de ter sempre que prensar a antiga amiga na parede, que não queria apelar para extorsão. Beatriz então surpreende a mulher e elogia sua coragem. “De te enfrentar?”, questiona. “De me prensar na parede. De apelar pra chantagem. De guardar por dez anos um vídeo comprometedor. De pensar dois, três passos à frente dos outros”, explica a empresária. “Com todos esses talentos, eu quero você ao meu lado, Inês. Não contra mim. Já fomos melhores amigas antes, por que não podemos ser de novo?”, continua Beatriz. “Aonde você quer chegar?”, pergunta Inês, desconfiada. “Aos negócios que eu conduzo. Aqui, os seus talentos podem ser muito bem aproveitados”, reflete a mulher.

Quando Beatriz afirma à Inês que pensa em colocá-la no escritório de Teresa Petruccelli, a mãe de Alice fica temerosa e pergunta se não seria arriscado. “Ela é famosa por recusar casos em que o cliente é obviamente culpado. Ainda mais quando se trata de Direito Empresarial”, diz. “E eu vou ter o aval desse escritório ilibado graças a você, Inês. Você vai estar lá dentro, se dedicando exclusivamente à Souza Rangel”, explica a madrasta de Guto (Bruno Gissoni). “Pensando bem, os contratos vão ser legais, só o caixa dois é que não. Não me parece tão arriscado’, pensa Inês.

Beatriz segue dizendo que a "amiga" vai ter que dar uma abrilhantada no currículo, que não podia dizer que ela andou os últimos dez anos batendo perna em shopping à custa do marido. "Vamos dizer que você prestou consultoria jurídica pra Souza Rangel lá em Dubai”, sugere a vilã. “Não pensa que a minha vida vai ser moleza, não. Isso significa que eu tenho muito trabalho pela frente. Mas pode ficar tranquila, aquele vídeo não vai chegar ao Evandro”, promete Inês. “Inês, eu não tô cedendo a chantagem. Fiz isso porque você vai ser a amiga certa, no lugar certo. Eu preciso dos seus talentos, e você precisa de mim. Se fosse no século 19, cada uma ia espetar um dedo com uma agulha e fazer um pacto de sangue”, afirma Beatriz, pegando a mão de Inês e tocando os indicadores de cada uma. “Mas o creme que eu uso pras mãos custa 200 euros o pote, não vejo necessidade de estragar minha pele com alfinetada”, continua. “Nunca vi tão macia... Logo logo eu vou poder comprar esse creme”, sonha Inês.

 

Fonte: Jornal Extra