'Império': José Alfredo pede a curandeiro para morrer e depois ressuscitar

'Império': José Alfredo pede a Espinoza para morrer

Em “Império”, Espinoza (Simon Petracchi) chega ao Rio e traz com ele a esperança de um novo futuro para José Alfredo (Alexandre Nero). Cercado por ameaças ao seu Império, o Comendador decide que é hora de tomar providências e, para isso, conta com a ajuda do curandeiro que no passado salvou sua vida.

Disposto a fazer o que for necessário, o dono da Joalheria Império pede ao curandeiro que prepare uma bebida que o faça morrer e ressuscitar em seguida. “É muito perigoso”, alerta Espinoza. “Mas como já estou em perigo... Não vejo outra saída”, insiste.

Apesar do desejo de "morrer", Zé Alfredo confessa a Espinoza que nunca se sentiu tão vivo, o que deixa o curandeiro encucado: "Mas gostaria de morrer e deixar seus problemas pra trás. Desde que pudesse ressuscitar depois". Este é o centro da questão: para o comendador, ele voltaria dos mortos ainda mais poderoso.

"Eu já morri uma vez. Mas você, com o feitiço, as beberagens, sei lá, me trouxe para vida de novo. E agora eu preciso fazer outra vez o mesmo caminho. Você me fez voltar com mais força, mais sabedoria, e com uma vontade, que era maior que tudo, de ser poderoso", explica Zé.

Mesmo entendendo o ponto de vista do todo poderoso da Império, Espinoza não se mostra confiante. "Isso que você me pediu pra lhe trazer...", diz o curandeiro, quando é interrompido pelo comendador: "É veneno mortal. Eu já entendi". Zé Alfredo conta que está disposto a usar a bebida desde que faça bom efeito. "Pode ser que não... Eu insisto”, diz Espinoza. Mas nem mesmo a preocupação dele faz o empresário mudar de ideia.



Clique e curta o Portal Meio Norte no Facebook

 

Fonte: Extra