Maurílio é preso, recebe a visita de Silviano e diz: 'Pai!'

a delegacia, ele recebe a visita de seu advogado, Merival (Roberto Pirillo), que não presta mais serviços para o Comendador após ser acusado de traição.


O personagem Maurílio, interpretado por Carmo Dalla Vecchia, vai cair em uma emboscada de José Alfredo (Alexandre Nero) e será preso nos próximos capítulos da novela "Império". Na delegacia, ele recebe a visita de seu advogado, Merival (Roberto Pirillo), que não presta mais serviços para o Comendador após ser acusado de traição.

De acordo com a coluna "Telinha" do jornal "Extra" , o profissional anuncia que Maurílio tem outra visita: o seu pai. Quando abre a porta, Silviano entra e o biólogo o abraça, emocionado: "Pai!". Sem saber exatamente de toda a verdade, Merival também passa a acreditar que Silviano é Fabrício Melgaço. Mas o mordomo garante que não. "Sou apenas um ex-mordomo que só está preocupado em tirar o filho da cadeia", diz.

O advogado então conclui que foi o próprio Silviano quem facilitou a entrada de Maurílio na casa dos Medeiros, inclusive sua aproximação de Maria Marta (Lilia Cabral): "Você o plantou no seio da família pra qual trabalhava com a evidente intenção de destruir o clã Medeiros de Mendonça e Albuquerque". "Sim, de fato é verdade. Fiz isso, mas porque cumpro ordens, continuo sendo tão somente o pau mandado que sempre fui, de alguém a quem sigo servindo...", avisa.

Intrigado, Merival então decide perguntar quem de verdade é Fabrício Melgaço, coisa que José Alfredo já tentou fazer, mas Silviano se recusa a responder. "Se eu confirmasse essa sua pergunta ou revelasse a verdadeira identidade de Fabrício Melgaço, estaria decretando a minha morte, e muito provavelmente a sua também, doutor", limita-se a dizer, com ar de mistério.

José Alfredo recebeu bilhete anônimo com telefone de Merival A relação de confiança do Comendador com seu advogado foi cortada após a prisão do homem de preto. Depois de simular sua própria morte, José Alfredo foi denunciado pela própria mulher, Maria Marta, e acabou na cadeia. E foi lá que, junto de uma marmita de comida, recebeu um bilhete com um número de telefone. No papel, estava escrito que tratava-se do número de Fabrício Melgaço. José Alfredo então pediu para fazer uma ligação e quando foi autorizado descobriu que o número era de Merival.

Chocado, ele inventou uma desculpa, mas assim que foi solto da cadeira chamou o advogado para uma conversa. E apesar de Merival negar, ele o chamou de traidor e eles romperam relações.

Fonte: MSN