Novo clipe de Rihanna pode sair do ar por ser muito violento

Novo clipe de Rihanna pode sair do ar por ser muito violento

No vídeo, que estreou ontem, a cantora é estuprada e se vinga matando o agressor com um tiro na nuca.

O clipe "Man Down" da cantora Rihanna, 23, pode sair do ar por ter sido considerado muito violento pela Parents Television Counsil (Conselho de Pais da Televisão). O Conselho pede à Viacom, companhia que chefia a MTV, que o clipe não seja mais exibido.

No vídeo, que estreou ontem, a cantora é estuprada e se vinga matando o agressor com um tiro na nuca. Segundo o Conselho, Rihanna incita a vingança.

"Ao invés de dizer às vítimas que elas deveriam procurar ajuda, Rihanna lançou um clipe que diz que a retaliação e o assassinato são aceitáveis", disse Melissa Henson, do Parents Television Council.

Via Twitter, a cantora disse que seu trabalho não é o de educar crianças. "Eu sou uma rockstar de 23 anos sem crianças! Por que todo mundo quer que eu seja um pai? Eu sou só uma garota, eu só posso ser a sua/nossa voz!"

"A indústria da música não é exatamente uma organização de pais! Nós temos a liberdade de fazer arte, deixe-nos! É o trabalho de vocês de fazer com que eles não acabem como nós", escreveu.

Em 2009 a cantora foi vítima de violência doméstica e apanhou de Chris Brown, seu namorado na época.

Fonte: Folha.com