Oscar Niemeyer apresenta piora na função renal, diz boletim

Oscar Niemeyer apresenta piora na função renal, diz boletim médico


Oscar Niemeyer apresenta piora na função renal, diz boletim médico
O arquiteto Oscar Niemeyer, de 104 anos, apresentou piora na função renal, segundo informou novo boletim médico divulgado neste sábado (17) pelo Hospital Samaritano, na Zona Sul do Rio, onde ele está internado.

De acordo com o médico Fernando Gjorup, o estado clínico do arquiteto requer cuidados.

Oscar Niemeyer continua na Unidade Intermediária (UI), está lúcido e segue a fisioterapia respiratória. Não há previsão de alta

Nesta sexta-feira (16), Niemeyer apresentou um quadro de hemorragia digestiva, que já está controlado. O arquiteto foi internado no dia 2 para realizar exames e havia apresentado evolução em seu quadro desde domingo (11), após piora em sua função renal no dia 8.

Niemeyer havia sido internado anteriormente com quadro de desidratação. Na ocasião, o arquiteto recebeu alta no fim de outubro. Segundo o diretor médico do Hospital Samaritano, Fernando Gjorup, é comum, pela idade do paciente, que ele tenha um grau de desidratação.

?O rim sofreu com esta desidratação e sua função renal ficou prejudicada. Isto ainda preocupa, mas ele vem melhorando. Ele está respondendo ao tratamento e isto é o mais importante?, disse o médico.

Médicos explicam estado de saúde

Fernando Gjorup, a diretora Cristina Quadrat e o médico Paulo Niemeyer falaram sobre o tratamento do paciente em entrevista coletiva, convocada devido aos boatos sobre a saúde do arquiteto, na manhã deste domingo (11).

?É uma saúde frágil, própria da idade, e no evento clínico atual, ele vem se recuperando bem. Embora, pela idade, inspire bastante cuidados, ele está bem?, disse Gjorup, destacando que não há nenhum indicativo que o arquiteto vá piorar.

O arquiteto está lúcido e reconhece as pessoas. De acordo com o médico, no final de semana passado ele estava discutindo um projeto com um calculista do escritório dele.

Oscar Niemeyer está em uma unidade intermediária, entre o quarto e o CTI. Ele respira espontaneamente, ou seja, não depende de aparelhos, e está comendo, embora receba suporte alimentar.

Em maio, Niemeyer também esteve internado no mesmo hospital, quando deu entrada com desidratação e pneumonia. Depois de 16 dias, com passagem pela UTI, recebeu alta.

Em abril de 2011, o arquiteto ficou internado por 12 dias por causa de uma infecção urinária. Também já foi submetido a cirurgias para a retirada da vesícula e de um tumor no intestino.

O arquiteto, reconhecido internacionalmente por suas obras, completará 105 anos no dia 15 de dezembro.

Fonte: G1