Praça São Francisco é o mais novo a ser considerado Patrimônio Mundial

O Brasil detém agora 18 bens inscritos na Lista do Patrimônio Mundial

?A inclusão da Praça de São Francisco é uma vitória da população de São Cristóvão pela proteção e preservação de nosso patrimônio e representa um reconhecimento à singularidade da formação do acervo cultural brasileiro?, ressaltou o presidente do Comitê do Patrimônio Mundial e ministro da Cultura Juca Ferreira, durante a coletiva de imprensa realizada no início da noite deste domingo (1/08).

Não foi necessária votação para que a Praça São Francisco, localizada na cidade de São Cristovão, em Sergipe, fosse aprovada como Patrimônio Mundial da Unesco. Apesar da prévia manifestação contrária do ICOMOS ? Conselho Internacional dos Monumentos e dos Sítios, de 21 possíveis, foram 16 as manifestações favoráveis dos Estados?Partes para o resultado alcançado.

O órgão consultivo posicionou-se contrário à decisão, sob a alegação de que a delegação brasileira deveria reapresentar sua proposta adicionando argumentos para comprovar o valor universal excepcional da Praça São Francisco. Além disso, ele recomendava a ampliação do perímetro apresentado do sítio.

A defesa apresentada pelo presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional ? Iphan, Luiz Fernando de Almeida, argumentava que os limites propostos para a delimitação do bem correspondem ao valor universal excepcional e que esse espaço urbano é a melhor representação no Brasil do período da União Ibérica, no Século XVI, quando Portugal e Espanha eram uma só coroa. ?A Praça de São Francisco é exemplo único daquele momento histórico?, afirmou Luiz Fernando, destacando ainda o contexto natural exuberante e preservado que confere à Praça uma paisagem construída singular.

Fonte: Assessoria