Prefeito é condenado a pagar R$ 30 mil a atriz Luana Piovani. Veja!

Prefeito é condenado a pagar R$ 30 mil a atriz Luana Piovani. Veja!

Cabe recurso. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

O prefeito de Jaboticabal (SP), José Carlos Hori (PPS), e o secretário da Administração, Ademilson Servidone, foram condenados a pagar R$ 30 mil cada à atriz Luana Piovani, em um processo por danos morais. Em 2007, ambos simularam, com humoristas do programa Pânico na TV, a aprovação de decreto que batizava a cidade, onde a atriz viveu até a adolescência, de "Luanópolis". Cabe recurso. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

Para a Justiça, a imagem da atriz foi "denegrida". Nas imagens, o público reagia aos gritos na praça central à pergunta dos humoristas "Quem não gosta de Luana Piovani?". Além disso, cartazes com frases como "Luana, te amamos... longe daqui" foram mostrados. No processo, o prefeito e o secretário afirmaram que participaram da gravação para "homenagear" a atriz, e não ofendê-la. A mãe da atriz, a advogada Francis Piovani, que a representa, foi procurada, mas não retornou as ligações. A emissora Rede TV não se manifestou.

Fonte: Terra