Projeto de circulação faz apresentações em escolas

O projeto, um dos contemplados pelo Prêmio Klauss Viana de Dança [Funarte], é do grupo Nação Tremembé

Depois de quase um ano de trabalho com oficinas, o ?Projeto Dançando, Cresço e Apreço? entra na etapa final com a circulação de espetáculos em escolas públicas municipais de Teresina. O projeto, um dos contemplados pelo Prêmio Klauss Viana de Dança [Funarte], é do grupo Nação Tremembé -Escola de Dança Teatro do Boi- e é mantido pela Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves.

De acordo com o coreógrafo Luis Carlos Vale, um dos realizadores do projeto, as apresentações acontecem em 10 escolas municipais em que serão mostrados os resultados das oficinas de dança popular e dança criativa que vêm sendo desenvolvidas desde o ano passado. ?Serão apresentações de crianças para crianças?, explica Valdemar, destacando que logo após haverá um bate-papo com os estudantes. ?A ideia é atingirmos todas as regiões da cidade?, acrescenta Luis Carlos.

As apresentações trazem as mais tradicionais manifestações culturais da nossa terra como Cavalo Piancó, Baião Sapateado, Pisa na Fulô, Coco, Roda de São Gonçalo, Floristas, Pastorinhas, Reis Magos, Ciganas, Caretas.

No dia 22 de agosto, eles fazem uma grande apresentação no Teatro de Arena em comemoração ao Dia do Folclore. ?As atividades, desde a elaboração, execução estão sendo feitas desde 2008 e somente agora vamos fechar as atividades, e com bons resultados?, comemora Valdemar.

A Nação Tremembé e fica localizada no Teatro do Boi bairro Matadouro, e realiza um trabalho visando promover e incentivar a produção e divulgação das danças e cultura popular, em especial do Piauí, atendendo, atualmente, a 311 (trezentos e onze) alunos distribuídos, em 09 (nove) turmas na faixa etária de 07 a 17 anos e mais uma turma para adultos. Estes são oriundos de famílias de baixo poder aquisitivo, atendo a comunidade da zona Norte, e áreas circunvizinhas e até alguns alunos de outros bairros como Dirceu e Parque Piauí, interessados pela dança.

Fonte: Assessoria