Projeto usa impressora 3D para imprimir fotos antigas e reviver memórias das pessoas cegas

Eles testaram a tecnologia de impressão 3D em um campo ainda não explorado e acabaram alcançando resultados incríveis.

Pessoas que nasceram com a visão perfeita, e por algum problema de saúde ou genético tornaram-se deficientes visuais, mesmo depois da perda da visão, ainda preservam memórias de coisas que viveram. Mas com os anos essas memórias tendem a diminuir, ou desaparecer por completo.

O Braille foi inventado para ajudar pessoas cegas a compartilhar e absorver informações mais facilmente. Aproveitando a onda da tecnologia 3D, este método tem o potencial de reproduzir imagens de fotos em esculturas 3D, habilitando dessa forma o acesso a imagens que foram uma vez completamente esquecidas a comunidade cega.

A “Touchable Memories”, ou “Memórias Tocáveis”, é um experimento que visa ajudar pessoas cegas a reviver essas memórias visuais usando as impressoras 3D. Este projeto foi desenvolvido pela agência LOLA para a empresa Pirate3D, sediada em Cingapura. Eles testaram a tecnologia de impressão 3D em um campo ainda não explorado e acabaram alcançando resultados incríveis.






Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Razões para acreditar