Rainha do silicone mamário vai repor próteses

A mulher com o maior peito do mundo havia retirado o silicone após uma infecção bacteriana.

Depois de diagnosticar uma infecção bacteriana e também em parte do tecido mamário, Sheyla Hershey, a recordista mundial em tamanho das mamas, retirou 7 litros de silocone dos seios, mas já agendou para dezembro uma nova cirurgia de reparação do implante, que deve voltar ao conteúdo anterior, mantendo o título da loira. Segundo nota publicada no jornal carioca ?Meia Hora?, a recuperação de Sheyla pode levar três meses.



Em entrevista para a publicação, a assessora da recordista, Deanna Siamang, disse que sua cliente está empenhada no preparo de um livro: ?Neste momento, ela está empenhada usando o seu tempo livre com a escritora Sharon Smith, que está trabalhando com ela em sua biografia. A confecção do livro está ajudando muito na recuperação, pois ela pode expresser tudo o que está sentindo?, contou Deanna.

Fonte: Ego, www.ego.com.br