Salão do Livro homenageará Fontes Ibiapina

Já começou a contagem regressiva para a oitava edição do Salão do Livro do Piauí

Já começou a contagem regressiva para a oitava edição do Salão do Livro do Piauí (Salipi) e 13º Seminário Língua Viva, que acontecem de 31 de maio a 6 de junho no Complexo Cultural da Praça Pedro II. Este ano, o grande homenageado será o picoense Fontes Ibiapina, e serão lembrados ainda os centenários de nascimento de Rachel de Queiroz e de morte de Joaquim Nabuco. Reunindo livreiros, educadores, alunos e a comunidade em geral, o evento já entrou para o calendário cultural do país. Na programação estarão incluidas palestras, exibições, exposições e apresentações artísticas.

Esta semana, os organizadores Luiz Romero e Jasmine Malta participaram de reunião com Sônia Terra, presidente da Fundação Cultural do Estado, Cineas Santos, presidente da Fundação Cultural Monsenhor Chaves, e Wellington Soares, secretário de comunicação do Estado. O encontro marcou a continuação da parceria entre os órgãos e o Salão do Livro.

Além de manter o caráter internacional, o evento será realizado novamente no centro da cidade ? local que foi aprovado pelo público na edição passada. ?A Praça Pedro II é nossa moldura definitiva. Nosso plano sempre foi realizar o evento lá?, afirmou Luiz Romero. Ocupando todo o complexo, que compreende a Praça Pedro II, Theatro 4 de Setembro, Clube dos Diários e Central de Artesanato Mestre Dezinho, o Salão espera receber mais de 180 mil visitantes este ano.

Para esta oitava edição já estão confirmadas as presenças dos escritores nacionais Cristóvão Tezza, Milton Atum e Pedro Bandeira. ?Estamos ainda esperando a confirmação de outros nomes, como Dráuzio Varela, o moçambicano Mia Couto e o angolano Ondjaki?, adiantou Romero.

Fonte: Assessoria