Schumacher melhora após nova cirurgia, mas continua em coma

Schumacher continua em estado grave


Schumacher melhora após nova cirurgia, mas segue em situação crítica
Michael Schumacher apresentou uma ligeira evolução clínica em relação às últimas 24 horas, mas continua internado em estado de risco no Centro Hospitalar Universitário da cidade de Grenoble, na França. Em coma induzido, o ex-piloto alemão passou por mais uma cirurgia cerebral e teve uma melhora clínica, de acordo com anúncio feito pelo corpo médico na manhã desta terça.

Heptacampeão mundial de Fórmula 1, Schumacher havia tido uma evolução ao longo da segunda-feira, e no final da tarde os médicos observaram uma oportuidade de realizar uma nova intervenção cirúrgica. A decisão foi tomada em conjunto e passada à família do ex-piloto, que autorizou que o procedimento fosse feito.

"Vimos uma melhora transitória na pressão intracraniana, tínhamos todas as informações e passamos à família para que uma decisão fosse tomada. A cirurgia de fato nos ajudou a controlar a situação. Houve uma melhora, mas não posso dizer se ele está fora de perigo", declarou o médico e professor Jean-François Payen.

O procedimento teve duração de duas horas e drenou um hematoma importante no lado esquerdo do crânio de Schumacher. A situação do ex-piloto é estável - ou seja, não houve piora nas lesões. O corpo médico do hospital francês, entretanto, está impossibilitado de fazer qualquer tipo de previsão sobre a recuperação do paciente.

Fonte: Terra, www.terra.com.br