Sinead O"Connor se separa após 18 dias de casamento, diz site

Sinead O"Connor se separa após 18 dias de casamento, diz site

"Ele tem estado terrivelmente infeliz e portanto eu terminei", afirmou a cantora

Apenas 18 dias após se casar em Las Vegas, Sinead O"Connor anunciou em seu site oficial nesta terça-feira (27) que vai se separar do seu quarto marido, Barry Herridge, com quem namorava há três meses e que havia conhecido na Internet.

A cantora decidiu usar o espaço para explicar os motivos que a levaram a tomar tal decisão, embora tenha pontuado que trata-se de um assunto pessoal.

"Queridos amigos, eu tive razões que vocês todos vão entender, para querer que isso fosse um assunto privado. Mas me disseram hoje que isso iria vazar nos próximos dias apesar dos meus esforços. Então eu preciso vazar as informações eu mesma para que seja a versão certa", escreveu.

"A partir do momento que eu e meu marido ficamos juntos, não muito tempo atrás, houve uma forte pressão colocada sobre ele, por certas pessoas em sua vida, para que não se envolvesse comigo. Eram pessoas que nunca me conheceram, mas que formaram opiniões a meu respeito baseados no que leram de mim na mídia", comentou Sinead, que também afirmou que os convidados do marido ficaram incomodados com o fato do casal ter fumado maconha após a cerimônia.

"Três horas após o fim da cerimônia, o casamento foi atrapalhado pelo comportamento de certas pessoas na vida do meu marido, Meu marido ficou enormemente machucado e afetado por essa experiência e também pela atitude de pessoas perto dele a respeito do casamento. Ficou aparente para mim que se ele fosse ficar comigo ele perderia demais para aguentar", completou a cantora, que elogiou o marido e desculpou-se por não ser "uma mulher mais normal".

"Ele é um homem maravilhoso. Eu o amo muito. Desculpe por não ser uma mulher mais normal. Eu sinceramente acredito, apesar de ser difícil de admitir, que nós cometemos um erro em nos casarmos tão rápido. Por razões altruístas, nós não estávamos preparados para as consequências na vida do meu marido e daqueles que vivem perto dele. Ele tem estado terrivelmente infeliz e portanto eu terminei. Eu acho que ele é bom demais para fazer isso. E bom demais para ficar preso", finalizou.

Fonte: Quem, revistaquem.globo.com