Sítio de traficante Abadia vira clínica para dependentes

Sítio em Pouso Alegre foi comprado por uma associação da cidade.

Um sítio em Pouso Alegre, no Sul de Minas Gerais, que pertencia ao traficante colombiano Juan Carlos Abadia, agora vai ajudar dependentes químicos. O local ficou fechado durante quatro anos e foi comprado por uma associação de Pouso alegre, nesta segunda-feira (24).

A expectativa do grupo é que sejam tratadas 150 pessoas no local. O trabalho deve começar em fevereiro.

O sítio, que havia sido comprado em um leilão por uma empresa de São Paulo, foi vendido à associação de Pouso alegre por R$ 640 mil. O local tem uma área de 20 hectares.

Fonte: g1, www.g1.com.br