Whitney Houston é hospitalizada em Paris

Whitney Houston é hospitalizada em Paris

Ela está internada em um hospital de Paris por uma rinofaringite crônica

Whitney Houston, 46 anos, está internada em um hospital de Paris por uma rinofaringite crônica e uma infecção de causa desconhecida. A cantora foi internada na noite dessa terça-feira no Hospital Americano de Neuilly-sur-Seine. Whitney já havia sido obrigada a cancelar na terça-feira uma apresentação na capital francesa no estádio Paris-Bercy, que seria o ponto de partida de sua turnê europeia I Look to You.

A equipe da cantora assegurava nessa terça-feira que o show tinha sido cancelado devido a uma "insuficiência respiratória" de última hora. A notícia gerou um novo alerta sobre a saúde de Whitney, que por causa de problemas com drogas abandonou a carreira por sete anos e se tornou alvo de revistas sensacionalistas. Segundo a emissora, a cantora também suspenderá a apresentação programada para a cidade inglesa de Manchester, mas o restante de sua agenda na Europa está mantida.

O show no Palácio dos Esportes de Paris-Bercy - o mais importante da turnê europeia - foi adiado para junho. "Whitney Houston ao que parece ficou doente no avião. Ela estava emocionada de voltar a se apresentar em Paris. Toda a imprensa europeia estava convidada", declarou a produtora Jackie Lombard.

Ainda não há informações sobre os outros shows da turnê europeia, que deve passar por Glasgow, Birmingham, Nottingham, Newcastle, Londres, Dublin, Milão, Roma, Zurique, Berlim, Copenhague, Estocolmo e Helsinque.

Premiada com 26 American Music Awards e seis Grammys, Whitney Houston tem o recorde de primeiros lugares consecutivos - sete - em vendas de álbuns nos Estados Unidos. Em setembro do ano passado, Whitney Houston lançou o álbum, "I look to you", que foi elogiado pela crítica e representou seu retorno após sete anos de dificuldades com as drogas. Mas em shows nos últimos meses na Rússia e na Austrália, a cantora decepcionou o público ao ter dificuldades inclusive de interpretar sua canção mais famosa, "I Will Always Love You", do filme "O Guarda-Costas", o que voltou a gerar boatos na imprensa sensacionalista sobre o uso de drogas.

Fonte: Terra