Young acha que sua revista venderá menos que a de Pri

"Na verdade, não precisa. O que é incrível foi feito", disse ela a jornal

Fernanda Young não se importa se a edição da revista "Playboy" com ela na capa vender menos do que a edição publicada meses antes com a ex-BBB9 Priscila Pires. "Acho que não vai vender mais. Na verdade, não precisa. O que é incrível foi feito", disse Fernanda em entrevista ao jornal "Diário de S. Paulo" de domingo (22).

Questionada se faria menáge, se arrumaria um amante ou objetos sexuais para apimentar a relação, Fernanda falou que "nenhuma das três coisas funcionaria" e "Teria que ser destituída do senso de ridículo. Como tenho, me fariam cair na gargalhada". A apresentadora contou também que faz sucesso com as lésbicas. "Faço e tenho orgulho. A compreensão da opção sexual do outro faz com que ele se sinta livre para me assediar", falou Fernanda.

Fonte: Quem, revistaquem.globo.com