3 segundos, duas cestas e final incrível na NBA

Os torcedores dos Cavs, que já lamentavam a iminente derrota que complicaria muito a vida do time na final da Conferência Leste

O ala turco Hedo Turkoglu seria o herói da vitória do Orlando Magic, novamente de virada, ao fazer uma cesta a três segundos do fim do jogo contra os Cavaliers, em Cleveland, nesta sexta-feira (já madrugada de sábado em Brasília). Seria, porque do outro lado da quadra havia um monstro chamado LeBron James. E com somente um segundo para acabar a partida, ele recebeu a bola de Mo Williams da saída lateral e num giro rápido, mesmo marcado de perto por Turkoglu, arremessou de longe e converteu a cesta de três pontos que fechou o placar em 96 a 95 para o Cleveland.

Os torcedores dos Cavs, que já lamentavam a iminente derrota que complicaria muito a vida do time na final da Conferência Leste, quase fez o ginásio ir abaixo com a cesta milagrosa de LeBron. Agora a decisão está empatada em 1 a 1, e o terceiro jogo será jogado domingo, em Orlando.

Como na primeira partida, quando abriu 16 pontos e permitiu a reação do Orlando, comandado por Dwight Howard, o Cleveland novamente abriu grande vantagem e chegou a estar vencendo por 43 a 20 no segundo quarto, mas deixou o adversário encostar e virar no último quarto, mesmo sem contar com a presença decisiva de Howard. Hedo Turkoglu tomou as rédeas da equipe, fez duas cestas importantíssimas, mas não saiu de quadra como herói pelo motivo já citado acima.

Os últimos dois minutos da partida revelaram uma série de emoções que variavam da aflição à euforia transitando de um lado para o outro da quadra. Os Cavs tiveram a chance de praticamente matar a partida quando venciam por 93 a 90 e LeBron James teve a chance de fazer dois pontos, mas andou com a bola no ataque, quando faltavam 58s para o fim.

Turkoglu então apareceu com uma cesta de três pontos para empatar a partida, a 48s do encerramento, e com outra cesta sensacional a 1s do fechamento da partida. Com 95 a 93, a única chance do Cleveland empatar ou virar o jogo era saída a bola da lateral, o arremesso vir em seguida e certeiro. E foi o que aconteceu, graças a um bom passe de Mo Williams e principalmente do arremesso mágico de LeBron.

O astro dos Cavs acabou como o cestinha da partida, com 35 pontos. Ele contou com as colaborações importantes de Mo Williams, que fez 19, e do pivô lituano Zydrunas Ilgauskas, que marcou 12 e pegou 15 rebotes, sendo 11 defensivos. O ala-pivô brasileiro Anderson Varejão teve atuação bastante discreta, com quatro pontos, quatro rebotes (três na defesa) e uma assistência.

No Orlando o cestinha foi o ala Rashard Lewis, com 23 pontos. Turkoglu fez 21, e Howard fez dez e pegou 18 rebotes, 14 defensivos.

Fonte: GloboEsporte