Timão: Adriano será reavaliado após coletivo desta terça-feira

O corpo clínico entende que o atacante precisa evoluir nas duas partes para conseguir jogar com mais qualidade no fim de semana

Na reta final antes da estreia, o primeiro teste: a manhã desta terça-feira é determinante para Adriano jogar pelo Corinthians na partida contra o Atlético-GO, domingo, às 16h, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro. Em uma semana repleta de atividades no gramado e no departamento médico, o Imperador participará pela primeira vez desde o início de um treino coletivo, no CT Joaquim Grava.


A reta final antes da estreia: Adriano começa coletivo nesta terça-feira

O desempenho dele no campo e a avaliação feita após o treinamento ajudarão o corpo clínico e a comissão técnica a se posicionar melhor sobre o tempo que ele terá condições de atuar no fim de semana. A primeira previsão é de que o centroavante entre no segundo tempo para jogar por, no máximo, 30 minutos, o que pode variar dependendo de como o tendão do pé esquerdo reagirá pelo esforço.

- Ele vai participar do coletivo para que nós possamos avaliá-lo melhor, mas estamos muito animados com a recuperação ? afirmou o fisioterapeuta Bruno Mazziotti.

O Corinthians, aliás, descartou prontamente colocar Adriano em ação em algum jogo-treino contra clubes de menor expressão ou equipes das categorias de base. O clube temia que o atleta pudesse receber alguma entrada mais violenta, comprometendo todo o processo de recuperação. Por isso, só serão utilizados os reservas do elenco profissional e os jogadores que não atuaram os 90 minutos no empate por 2 a 2 contra o Vasco, domingo, em São Januário.


A reta final antes da estreia: Adriano começa coletivo nesta terça-feira

Apesar de ter entrado na semana de estreia, Adriano não terá uma grande redução nos treinamentos. Na segunda-feira à tarde, ele fez um trabalho de força para aumentar a potência da panturrilha e dar mais estabilidade ao tornozelo esquerdo. O corpo clínico entende que o atacante precisa evoluir nas duas partes para conseguir jogar com mais qualidade no fim de semana.

Terça, quarta e quinta-feira, Adriano irá ao clube em dois períodos, mesclando treinos com bola e na academia. A carga só será reduzida para uma sessão nos outros dias. Na sexta, o grupo fará o famoso ?rachão?. Já no sábado, Tite realiza uma atividade tática apenas com os titulares em campo.

Sem jogar desde janeiro, quando ainda defendia o Roma-ITA, Adriano vive a expectativa de, enfim, fazer seu primeiro jogo pelo Corinthians. O Imperador atuou nos 20 minutos finais do coletivo da última quinta-feira e criou muita expectativa de que pudesse enfrentar o Vasco. O clube, porém, descartou imediatamente relacioná-lo por considerar que ele ainda não estava preparado.

Já entre os dirigentes e o técnico Tite, o clima é de pressa. O treinador não esconde que sente falta de um centroavante com mais presença de área, principalmente para reforçar o jogo aéreo. Para a direção, Adriano em campo significa aumentar as chances de conquistar o título brasileiro. Sem a Libertadores, o presidente Andrés Sanches sonha deixar o cargo no fim do ano com a taça do mais importante torneio nacional com a ajuda de uma de suas contratações mais badaladas.

Fonte: Globo Esporte