Adriano entra após 2º gol do Vélez e se irrita: "Só agora?"

Adriano entra após 2º gol do Vélez e se irrita: "Só agora?"

Na imagem da TV, foi possível ver Adriano abrindo os braços – em tom de reclamação – na hora que foi chamado pelo assistente

Adriano iniciou o jogo do banco de reservas alegre, na expectativa de poder ajudar o Atlético-PR. Aos poucos, porém, a expressão do Imperador mudou. Em transmissão do canal Fox Sports, foi possível acompanhar que o camisa 30 do Atlético-PR ficou irritado ao ser chamado para entrar em campo aos 37min do segundo, já com o Vélez vencendo por 2 a 0 - este foi o placar final do jogo disputado na noite desta terça-feira, na Argentina, pelo grupo 1 da Libertadores.

Na imagem da TV, foi possível ver Adriano abrindo os braços ? em tom de reclamação ? na hora que foi chamado pelo assistente do Atlético-PR para reforçar o time rubro-negro. Ele ainda olhou com uma cara "pouco amigável" para o técnico espanhol Miguel Angel Portugal.

Com a derrota praticamente confirmada, Adriano teve cerca de dez minutos para mostrar serviço. Chegou a dar uma cabeceada por cima do gol, mas foi só isso. Nos minutos finais, o Atlético-PR praticamente não jogou. Ficou na base do "chuveirinho" e viu o Vélez Sarsfield controlar a partida, sem levar sustos.

Após o apito final, Adriano passou reto pelos repórteres e não deu entrevista para ninguém, descendo logo para os vestiários.

O experiente zagueiro Manoel conversou com a Fox Sports, e falou sobre a irritação de Adriano. O próprio jogador até admitiu que queria ter visto o Imperador mais tempo em campo, mas deixou claro que "quem manda é o técnico".

"A gente queria que ele entrasse mais, mas quem manda é o professor, temos que respeitar. Durante os treinos, as refeições, eles está sempre brincando, e ele fala que está com muita vontade de jogar, de fazer gol. Mas a gente tem que respeitar e fazer o nosso trabalho", afirmou Manoel.

Fonte: Terra