Adriano sofre corte, leva quatro pontos e se considera fora do jogo contra Venezuela

Dificilmente, o técnico Dunga terá Adriano à disposição da seleção brasileira no jogo

Dificilmente, o técnico Dunga terá Adriano à disposição da seleção brasileira no jogo da próxima quarta-feira contra a Venezuela, em Campo Grande, pelas eliminatórias. Quem garante isso é o próprio atleta. O Imperador sofreu um corte no tornozelo esquerdo numa disputa no fim do primeiro tempo da derrota por 2 a 1 para a Bolívia, em La Paz, levou quatro pontos ainda no vestiário e falou em voltar apenas na próxima partida do Flamengo, que será no domingo que vem, contra o Palmeiras, no Palestra Itália.

- Tenho que manter a tranquilidade e me curar bem. Não vai dar para quarta-feira, mas agora preciso continuar trabalhando no Flamengo para depois voltar à seleção - disse Adriano, garantindo que vai esperar a decisão final dos médicos, que ainda não deram um veredicto sobre a sua situação.

O centroavante também engrossou o discurso contra as partidas na altitude de La Paz. Para ele, este foi um fator decisivo para a vitória boliviana.

- A dificuldade para jogar é maior na altitude. A bola fica mais rápida, é difícil respirar e não dá para correr. Isso não é uma desculpa, é um fato comprovado - reclamou.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com