Adriano vai ter que provar que fígado está bom para voltar ao Fla

Adriano vai ter que provar que fígado está bom para voltar ao Fla

O Flamengo já estuda a composição de seu contrato.

Enquanto Adriano vai sendo examinado pelos médicos da Gávea, o Flamengo já estuda a composição de seu contrato. Além de prazo de validade, serão registradas algumas precauções e contra-indicações.

- A ideia não é fazer um contrato de risco, mas de produtividade, que não sugira humilhações ? explica o vice de relações externas do Flamengo, Walter Oaquim, um dos idealizadores do resgate de Adriano.

Para receber o Imperador, o clube vai submetendo seu cofre a um check-up. Oaquim garante que a operação matemática a ser adotada na contratação não terá efeitos colaterais ou riscos à saúde financeira do Flamengo.

- A saída do Alex Silva reduz a folha em R$ 300 mil ? destaca Oaquim, sugerindo o enxerto do atacante na vaga aberta pelo dissidente.

E não é só isso. O dirigente revela que o elenco passará por uma faxina antes do Campeonato Brasileiro.

- Vamos negociar os jogadores que não se encaixarem. A ideia é limpar a folha e arcar com novos investimentos.

Resta saber se Adriano seguirá corretamente o modo de usar o Flamengo. Ou, no seu caso, de abusar do clube.

Na primeira conversa com o médico José Luiz Runco, Adriano queixou-se do pé, sem força. O que, porém, não assustou. "Estou preocupado com o ácido úrico. E quero ver teu fígado", disse-lhe Runco.

Fonte: Extra, extra.globo.com