Agente quer aumento de 800% para Lucas no S. Paulo

Agente quer aumento de 800% para Lucas no S. Paulo

Wagner Ribeiro diz o jogador ganha como um atleta das categorias de base e deve receber como um titular

O meia Lucas só formalizará um novo contrato com o São Paulo se receber quase 800% de aumento salarial. Quem está à frente da negociação é o empresário Wagner Ribeiro, que aposta em um acordo (com a valorização pretendida) com a diretoria do Tricolor nos primeiros dias de 2011.

"O que peço é para o que o atleta seja valorizado pelo São Paulo. O Lucas é titular e deve ganhar como titular. Hoje, ele está recebendo um salário de um atleta das categorias de base. O novo valor seria uma média do que ganham os jogadores que estão no time principal. Isso é justo", afirmou Ribeiro, em entrevista à Rádio Globo.

Atualmente, Lucas recebe cerca de R$ 15 mil mensais. Wagner Ribeiro trabalha para que o salário aumente para, ao menos, R$ 130 mil - quase 800% de valorização. "Não estipulei um valor fixo, mas este salário estaria dentro do patamar dos titulares do São Paulo. O contrato do Lucas ainda não foi reavaliado pelo clube, apesar de algumas conversas que tivemos. Ficou prometido que acertaríamos em janeiro", disse o empresário.

Ribeiro tem uma série de argumentos para convencer os dirigentes do São Paulo. "O interesse maior é do clube. O São Paulo está sentado em um contrato que foi feito de maneira errada. Assinaram um acordo de cinco anos com um atleta menor de idade, o que a Fifa não permite", citou.

O meia Oscar, por exemplo, conseguiu ser liberado judicialmente do São Paulo e acertar com o Internacional porque também possuía um contrato registrado por cinco temporadas, sendo menor de idade. "Mas nós não tomaremos uma atitude drástica. Já falei que não queremos conflito com o São Paulo. Não tenho a intenção de usar essa carta na manga. Só estou pedindo uma coisa mais justa para o menino. Voltaremos a negociar na primeira semana de janeiro", programou Ribeiro.

O procurador ainda lembrou que Lucas ganhou bastante projeção depois que se profissionalizou. "Já levei ao São Paulo uma proposta de ? 8 milhões, feita pelo Shakhtar Donetsk. Eles receberam o representante do clube da Ucrânia e disseram que o menino não está à venda. O Benfica também me procurou. Eliminamos duas ofertas em menos de um mês", disse.

Com um novo contrato com Lucas, o Tricolor terá a oportunidade de aumentar a multa rescisória do vínculo. "Ele é um atleta de seleção sub-20, que certamente também defenderá a seleção olímpica e será lembrado pelo Mano Menezes para a principal. O São Paulo sabe do potencial do menino e vai dar o valor que ele merece", concluiu Wagner Ribeiro.

Fonte: IG