Ainda incerto, jogador Riquelme duvida do favoritismo do Timão

Ainda incerto, jogador Riquelme duvida do favoritismo do Timão

Capitão do Boca Juniors não participou das atividades da manhã desta terça-feira (30).

O Boca Juniors pode entrar desfalcado do seu principal jogador na partida de ida das oitavas de finais da Libertadores da América. Segundo a publicação Clarín, a presença de Riquelme, que não coloca o Timão como favorito, ainda é incerta. O meia-atacante e capitão da equipe argentina não participou das atividades da manhã desta terça-feira (30) e não tem presença garantida na La Bombonera.

Após o término do treino, o craque do time concedeu coletiva de imprensa e deixou nas mãos de Carlos Bianchi a sua presença ou não no duelo desta quarta-feira (1º). Apesar de estar se recuperando de lesão, o camisa 10 sabe da sua importância e se esforça para retornar mesmo sem estar com 100% da condição física.

? Não estou 100%, mas a vontade é tão grande que eu tenho vontade de estar. Estou tão feliz com a minha recuperação que ontem pude jogar meia hora com meus companheiros.

Ao ser questionado sobre o nepotismo da equipe brasileira, Riquelme não titubeou ao comparar o número de títulos dos rivais na competição.

? Nós temos seis Libertadores, o Corinthians só tem uma, que ganhou no ano passado. Tenho certeza de que as outras 15 equipes classificadas não queriam pegar o Boca Juniors.

Mesmo sem saber se entrará em campo, Roman está confiante para o duelo contra o algoz da final do torneio continental do ano passado. O atleta acredita que a presença de Bianchi no banco de reservas pode fazer toda diferença. Caso o meia-atacante não tenha condições de jogo, o técnico deve optar entre Juan Sánchez Miño e Pablo Ledesma.

Outra baixa no elenco é a de Matías Caruzzo, zagueiro que se envolveu em confusão com Sheik em 2012. O jogador sentiu uma lesão nesta terça-feira (30) e está fora da decisão. Diante da baixa, o jovem Magallán deve formar dupla de zaga com Guillermo Burdisso.

Fonte: R7, www.r7.com