Alex Silva reforça confiança: "Não há motivo para crise no Fla"

Zagueiro diz que queda de rendimento do Flamengo é natural



Uma lesão no joelho esquerdo interrompeu a sequência de jogos que Alex Silva tanto queria no Flamengo. O zagueiro se machucou logo no início do clássico contra o Vasco, em 28 de agosto, e desde então teve de se dedicar ao tratamento com fisioterapia. Recuperado, ele está relacionado para a partida deste domingo, contra o Atlético-PR, pela 23ª rodada do Brasileiro.

Antes de se machucar, Alex enfrentara Atlético-GO, na estreia dele, Inter e Atlético-PR, pela Copa Sul-Americana. De volta, diz que vai usar a experiência para não sentir a falta de ritmo.

- Estou pronto, preparado, louco para jogar. Sou um jogador que não gosta de ficar fora. Infelizmente houve a lesão, mas consegui me recuperar rápido. Espero voltar bem e ajudar meus companheiros. A falta de ritmo atrapalha um pouco, mas você busca os atalhos. Na prática, fiquei uma semana parado, já que ao longo desta semana trabalhei forte, deu para recuperar. Antes de estrear havia ficado 90 dias parado. Foi diferente.

Pirulito volta ao time em um momento delicado. O Flamengo não vence há sete rodadas, está em quinto na tabela, com 36 pontos, a sete do líder Corinthians.

- Não há motivo para tempestade. O próprio Flamengo fez com que a cobrança existisse. O Flamengo construiu isso, é normal essa sequência de derrotas. Todo mundo acha que é o fim do mundo, mas não é. O time vai encontrar o caminho novamente, vamos voltar a vencer e tudo vai voltar ao normal.

Ele acredita que um bom resultado contra os paranaenses vai reforçar a confiança do time.

- É difícil ficar falando, fazendo reuniões, apontando erros. Isso acaba sendo mais estressante. Temos de entrar em campo para vencer. Futebol é resultado e Flamengo é Flamengo. O negócio é chegar, fazer uma boa partida para que a confiança volte, e conseguir uma sequência tão boa como a que tivemos antes desta má fase.

Na manhã deste sábado, Alex participou de uma atividade técnica coordenada pelo auxiliar Lopes Júnior. Luxemburgo assistiu ao trabalho à beira do campo do CT ao lado de Léo Moura. Aqueles que enfrentaram o Corinthians na quinta-feira passada fizeram um trabalho regenerativo.

Airton treina, mas não joga

O volante Airton também treinou normalmente. Ele machucou o joelho esquerdo contra o Atlético-GO, em 18 de agosto, passou por uma artroscopia e está recuperado. No entanto, o jogador vai ter de cumprir o quarto e último jogo da suspensão que recebeu do STJD pela agressão ao meia Souza, do Fluminense. Assim, Maldonado, que retornou de lesão contra o Corinthians, será mantido no time de cima.

Vanderlei Luxemburgo só vai divulgar a escalação momentos antes da partida. A formação provável teria Felipe, Léo Moura, Alex Silva, Welinton e Junior Cesar; Maldonado, Willians, Renato e Thiago Neves; Ronaldinho e Deivid.

A delegação viaja de avião para Macaé na tarde deste sábado. A partida contra o Furacão será às 18h, no Moacyrzão.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com