Após acidente de carro, patinadora de 89 anos não abandona o esporte e dá show em competições

"A perna não chega tão alto, e as curvaturas não são tão baixas, mas adoro patinar”, afirma.

Aos 80 anos, a americana Yvonne Dowlen sofreu um grave acidente de carro. O médico disse a ela que era hora de aposentar os patins e deixar as competições. A patinadora obedeceu à ordem por algum tempo. Apenas o suficiente para voltar a ficar de pé sobre os patins e dar uma pirueta. Essa foi a senha para que voltasse a treinar.

“Quando estou de mau humor, olho para meus contemporâneos com seus balões de oxigênio, coloco meus patins e sorrio”, diz ela, que hoje tem 89 anos.

A patinadora é figura carimbada em competições, com seus saltos e piruetas. Foi a competidora mais velha do Ice Skating Institute Holiday Challenge, que ocorreu dos dias 5 a 7 de dezembro na Califórnia e reuniu 480 patinadores.

A rotina de exercícios chega a uma hora de treino por dia. Ela também é treinadora e ensina o esporte a crianças.

Apesar de fazer bonito, ela diz que o corpo tem dado sinais de mudança há algum tempo. “Estou visivelmente mais dura. A perna não chega tão alto, e as curvaturas não são tão baixas, mas adoro patinar”, afirma.

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Catraca Livre