Após cirurgia de hérnia inguinal, técnico do Corinthians passa bem

Tite está bem e já está em um quarto do hospital

O Hospital São Luiz Morumbi divulgou na noite deste sábado o segundo boletim médico sobre o técnico Tite. Segundo o comunicado, a cirurgia de hérnia inguinal foi realizada com sucesso e o treinador já se encontra em seu quarto. Porém, ainda não há previsão de alta hospitalar.

O chefe do departamento médico do Corinthians, Joaquim Grava, afirmou que o gaúcho receberia alta no mais tardar na segunda-feira.

O técnico deve ficar afastado das atividades por cerca de dez dias. Após comandar o treino em um dos campos do CT pela manhã sem esboçar nenhum desconforto, Tite procurou os médicos do clube se queixando do mal-estar. Internado às pressas, passou pelo operação por volta das 20h.

Veja a íntegra do boletim médico:

"O treinador Adenor Leonardo Bacchi (Tite), do Sport Club Corinthians Paulista, foi internado hoje (7/01) às 17h no Hospital São Luiz ¿ Morumbi com o diagnóstico de hérnia inguinal à direita encarcerada. Foi submetido ao tratamento cirúrgico com sucesso. Passa bem e já se encontra no quarto. Não há previsão de alta.

Entenda a hérnia inguinal

"Hérnia inguinal é a protrusão de uma alça do intestino através de um orifício que se formou na parede abdominal na região da virilha. As hérnias acontecem por descuido da natureza na formação dessa parede, que tem de suportar pressões muito altas.

Não é só a pressão provocada pelos exercícios que contraem a musculatura do abdômen. Durante o esforço da evacuação, a parede abdominal funciona como uma prensa, prensa de que as mulheres também se valem, na hora do parto, para expulsar o feto do interior do útero.

Existem dois tipos de hérnias inguinais que ocorrem com mais frequência: a direta e a indireta.

A indireta se forma pela passagem da alça intestinal para o interior da bolsa que envolve o testículo através de um ponto frágil, o anel herniário."

Fonte: Terra, www.terra.com.br