Após passeio, Chelsea diz que precisa elevar nível contra Timão

Rafa Benítez admitiu que final contra o Corinthians deve ser mais complicada que a semi

O técnico Rafa Benítez minimizou o passeio do Chelsea sobre o Monterrey pela semifinal do Mundial de Clubes. Após a vitória por 3 a 1 nesta quinta-feira, o treinador espanhol ressaltou que o time precisará estar ainda mais preparado para superar o Corinthians na decisão de domingo.

Questionado sobre a dificuldade que o Corinthians teve contra os egípcios do Al Ahly e a tranquilidade do Chelsea diante dos mexicanos, Benítez foi diplomático e utilizou um discurso muito parecido com o dos treinadores brasileiros após vitórias retumbantes.

"Todo jogo é diferente e todo rival é diferente também. Sabemos que o Corinthians é uma grande equipe, tem um time compacto, organizado, conta com qualidade dos jogadores brasileiros e que pode ser forte contra nós. Teremos de elevar o nosso nível para estar preparados", comentou.

Benítez chegou ao Chelsea em 22 de novembro, depois de o Chelsea demitir o italiano Roberto Di Matteo. Com a imagem muito ligada ao Liverpool, o treinador espanhol foi vaiado na estreia contra o Manchester City e sofreu com um jejum de vitórias até finalmente conseguir recentemente uma sequência de três jogos com resultados positivos.

"Estávamos em um momento difícil quando cheguei, e já tinha de jogar com o City. Depois tivemos uma sequência de jogos e tivemos problemas. Agora a equipe está ganhando confiança e acho que já estamos em uma situação melhor, crescendo e evoluindo", comemorou.

A final será realizada neste domingo, às 8h30 (de Brasília), em Yokohama, mesmo local da final da Copa do Mundo de 2002. "Em uma final tudo pode acontecer, e jogamos bem hoje. Nunca sabemos o que pode acontecer, mas temos chances boas de vencer. Estamos prontos", comentou Benítez, campeão mundial com a Inter de Milão em 2010 e vice com o Liverpool em 2005.

Fonte: Terra