Após perder título, Júnior Cigano revela que se separou da esposa

Após perder título, Júnior Cigano revela que se separou da esposa

“Ela é a pessoa mais importante da minha vida, mas não a amo mais como mulher”, disse o lutador

Acabou o mistério em relação ao problema pessoal que Junior Cigano disse que atrapalhou seu desempenho na luta contra Cain Velasquez no UFC 155. Após gravar o Caldeirão do Huck, na TV Globo, o lutador revelou que acabou de se separar de Vilsana Piccozi, com quem ficou casado por mais de dez anos. No entanto, ela segue como sua empresária.

?Ela é a pessoa mais importante da minha vida, é a pessoa que cuida de mim e eu quero cuidar dela pra sempre. Mas não a amo mais como mulher?, disse o catarinense radicado em Salvador, em declaração para o site do programa.

O agora ex-casal se conheceu em Salvador quando Junior ainda era garçom. Depois que ele se tornou lutador, mudança de rumo bancada por ela, Vilsana assumiu o comando da carreira de Cigano, atuando como empresária além de esposa.

Na última semana, o blog conversou com o ex-campeão dos pesados do UFC. Nesse papo, ele assumiu que, além de problemas de saúde decorrentes do overtraining, problemas pessoais também afetaram sua defesa de cinturão. Naquele momento, ele preferiu não revelar quais eram esses problemas pessoais, que vieram à tona agora.

Apesar de ser empresária de Junior há pelo menos sete anos e casada com ele há dez, essa luta no UFC 155 foi a primeira que Vilsana assistiu in loco. Ela nunca tinha ido aos EUA para acompanhar o trabalho do marido.

Fonte: UOL