Após saída do Vasco, Carlos Alberto vai para o Grêmio

Meio-campista assinará contrato de empréstimo por um ano, enquanto atacante negocia ida ao Rio

O Grêmio anunciou na tarde desta sexta-feira a contratação de Carlos Alberto. Pelo acordo com o Vasco, o jogador ficará emprestado ao clube gaúcho até 31 de dezembro de 2011. Embora a direção do clube carioca negocie com Leandro, cujo destino deve ser mesmo o Rio de Janeiro, não há relação entre as transferências.

Aos 26 anos, o meia conta com a admiração do técnico Renato Gaúcho, que foi seu chefe no Fluminense. O subiu ao profissional em 2002 (junto com o zagueiro Rodolfo) e lhe deu a braçadeira de capitão na campanha do título da da Copa do Brasil, em 2007. Decidiu vir para o Grêmio para disputar a Libertadores. A contratação é uma surpresa, afinal, o diretor de futebol gremista, Antônio Vicente Martins, a havia descartado no último sábado.

"Vocês (repórteres) lançam muitos nomes. Se eu falar algo.. atrapalha. É um bom jogador. Surgiu o nome, tentamos e tivemos sucesso", disse o dirigente.



O diretor-executivo do Vasco, Rodrigo Caetano, havia dito que Carlos Alberto seria reintegrado ao grupo. Na derrota por 3 a 1 para o Boavista, o meia discutiu com o presidente vascaíno Roberto Dinamite e foi afastado dos treinos.

Carlos Alberto deixou o Rio de Janeiro às 15h45min desta sexta-feira em voo com destino a Porto Alegre. Após desembarcar, irá ao Olímpico realizar exames médicos e assinar contrato. Ainda não há data confirmada para a apresentação oficial do jogador.

Presidente do Vasco, Roberto Dinamite admitiu a negociação, porém, não a considerou finalizada:

"Preciso ver a documentação para dar a palavra oficial".

É a mesma postura sobre o interesse em Leandro. Na quinta-feira, o atleta, que treina em separado do grupo gremista desde 10 de janeiro, recebeu autorização da direção para viajar a São Paulo. Queria conversar com a família sobre a possibilidade de aceitar a oferta do Vasco. O que pode acontecer ainda nesta sexta.

Aos 30 anos, o atacante não teve um bom 2010 em Porto Alegre. Sofreu oito lesões (entre musculares e conjuntivite) e foi punido por dois atos de indisciplina.

Fonte: IG