Árbitro "salva" e Brasil estreia com empate na Copa América

Seleção começa bem, mas cai de ritmo e apresenta poucas soluções

Na estreia pela Copa América Centenário, o Brasil empatou em 0 a 0 com o Equador e, apesar de alguns lampejos, não mostrou futebol convincente ao longo da partida. Ainda contou com a ajuda da arbitragem, que anulou um gol legal do Equador, em falha de Alisson.

O Brasil começou melhor a partida. Empurrou o Equador para a defesa e chegou com facilidade ao ataque. Mas faltou melhor definição. Jonas, Elias, Coutinho e Willian não tomavam a decisão certa na hora de finalizar. Os equatorianos, apostando no contra-ataque, melhoraram a marcação no segundo tempo, mas seguiram sem ameaçar muito. A falta de eficiência dos dois ataques explica bem o empate sem gols.

Em seu primeiro jogo numa competição de tiro curto, Alisson vinha sendo pouco testado, até que num cruzamento despretensioso, falhou feio e deixou a bola entrar. Para alívio do Brasil, o árbitro anulou o gol, em lance difícil, por entender que a bola saiu pela linha de fundo - no replay, é possível ver que a jogada era legal.

 A Seleção teve maior presença ofensiva, trocou passes, e os meias se apresentaram no ataque. Entretanto, o time errou demais na definição e quase não finalizou.

Image title

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Globoesporte.com