Astros desprezados na seleção são desejados por clubes brasileiros

Astros desprezados na seleção são desejados por clubes brasileiros

Esquecidos por Dunga e Mano Menezes, Miranda, Adriano e outros povoam sonhos para 2011.

Muitos jogadores deixados de fora da Copa do Mundo da África do Sul pelo técnico Dunga, e também esquecidos nas primeiras listas de Mano Menezes, o novo comandante do time nacional, continuam com prestígio inabalado dentro do mercado brasileiro.

Atletas de nível inquestionável, mas que se afastaram do time verde e amarelo, povoam os sonhos de dirigentes e torcedores neste fim de ano, época propícia para a busca de reforços e, também, para o surgimento de especulações diárias sobre quem irá para qual time.

Um destes nomes é o do zagueiro são-paulino Miranda. Com contrato em vias de terminar na equipe do Morumbi, Miranda recebeu o prêmio da CBF como o melhor de sua posição no Campeonato Brasileiro, mas, nem de longe, lembra o camisa 5 seguro e de qualidade que a torcida se acostumou a ver.

Abatido desde que perdeu a vaga na Copa da África para Thiago Silva, do Milan-ITA, o jogador apresentou altos e baixos na temporada e ainda não foi procurado pela direção são-paulina para renovar seu vínculo. Melhor para Corinthians, Santos, Atlético de Madri e Fluminense, que já se colocaram à disposição para recebê-lo de braços abertos em 2011.

Quem também está com muita moral em São Paulo é o atacante Adriano, da Roma-ITA. Apesar de ter frequentado mais as páginas policiais do que as esportivas em 2010, o Imperador é prioridade na lista de contratações de Corinthians e Palmeiras para o ano que vem e, se for liberado pela presidente da equipe italiana, poderá desembarcar no Parque São Jorge em breve.

Outro desejado por mais de uma equipe é Thiago Neves. Atualmente nos Emirados Árabes, o canhoto, que teve vida curta na seleção, está nas pretensões de São Paulo, Flamengo e Fluminense. Segundo Léo Rabello, seu empresário, a possibilidade de voltar ao Brasil, por empréstimo, é grande.

O São Paulo está de olho em mais um jogador que teve passagem relâmpago pela seleção com Dunga: Juan. O lateral-esquerdo não terá seu contrato renovado com o Flamengo e pode voltar ao clube onde deu seus primeiros passos com a bola.

Fonte: R7, www.r7.com