Atacante preso está em cela com mais 16 e não falou com familiares

Ex-Botafogo é acusado de estuprar quatro adolescentes.

Preso nesta quinta-feira, acusado de estuprar quatro adolescentes de Conceição do Araguaia (PA), o atacante Jobson, ex-Botafogo, está em uma cela, em uma delegacia de Conceição, com mais 16 detentos, e ainda não teve contato com a família, informou o delegado Rodrigo da Motta, que cuida do caso. “Essa questão da visita está suspensa aqui”, disse Rodrigo.

O jogador só teve contato com seus advogados, que tentam tirar ele da prisão o quanto antes. Jobson pode ser transferido para o presídio de Marabá, a cerca de 400 km de distância, a qualquer momento.

Segundo Rodrigo da Motta, Jobson não teve problema de relacionamento com os outros presos. “Ninguém colocou a mão nele. Está sendo respeitado. Aqui a gente tem ordem. Os presos sabem que, se fugirem da disciplina, podem ser transferidos para um presídio e isso eles não querem”, afirmou disse Rodrigo.

Durante o interrogatório da Polícia Civil do Pará, Jobson preferiu não se pronunciar sobre o caso. Ele só falará na presença dos advogados.

Atacante Jobson, ex-Botafogo (Crédito: Reprodução)
Atacante Jobson, ex-Botafogo (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do Jornal Extra