Atingido por Hernanes, Neymar deixa treino e é dúvida para jogo amistoso

Neymar deixou o campo com uma expressão de dor e sequer ficou no banco à beira do campo de treino.

O atacante Neymar teve que deixar o treino da seleção brasileira na tarde desta quinta-feira, em Paju, na Coreia do Sul, depois de levar uma entrada do meia Hernanes durante o coletivo tático. Depois de ficar estirado alguns minutos no gramado, Neymar saiu da sessão com uma lesão no quadril, segundo o médico da CBF Edilson Thiele, e é dúvida para o amistoso de sábado contra os coreanos, em Seul.


Atingido por Hernanes, Neymar deixa treino e é dúvida para amistoso

O lance ocorreu instantes depois de David Luiz também ter levado uma pancada de Hernanes. Neymar deixou o campo com uma expressão de dor e sequer ficou no banco à beira do campo de treino. A notícia não deverá ser bem recebida pelo Barcelona, que às voltas com os problemas físicos de Messi agora tem que se preocupar com sua outra principal estrela.

Por causa do incidente, Felipão precisou alterar o treino: como já tinha apenas 19 jogadores de linha à disposição (o lateral-direito Maicon foi cortado antes mesmo de se apresentar em Seul), o treinador puxou Hulk para o time titular e dispensou os serviços do lateral-direito da seleção sub-20 coreana, Kin Yong Kwan, que fazia número na equipe reserva.

Se não puder jogar, Neymar pela primeira vez perderá uma partida da seleção brasileira por causa de uma lesão. A única vez em que ele ficou fora de uma lista foi ainda na época de Mano Menezes, em setembro de 2010, quando o treinador puniu o atacante depois de Neymar bater boca publicamente com o então técnico do Santos, Dorival Junior.

Assim como na quarta-feira, o treino foi marcado pelo vigor em divididas. Ironicamente, o coreano improvisado de lateral-direito disse depois que uma de suas principais preocupações era não causar nenhum problema. ""Tive medo de machucar o Neymar"", disse ele aos jornalistas coreanos.

Fonte: UOL