Atlético-MG goleia Tupi por 4 a 1 e conquista a 11ª vitória na temporada

Atlético-MG goleia Tupi por 4 a 1 e conquista a 11ª vitória na temporada

O Atlético chegou a 21 pontos, um a menos que o líder Cruzeiro

O Atlético-MG confirmou a boa fase e conquistou neste domingo a 11ª vitória seguida na temporada. Em jogo marcado pela contusão de Bernard, que deve ser desfalques para os próximos jogos, o time alvinegro goleou o Tupi, por 4 a 1, no Independência, e garantiu a classificação às semifinais do Campeonato Mineiro.

Com gols de Réver e Jô no primeiro tempo e do estreante Josué e de Ronaldinho Gaúcho na etapa final, o Atlético voltou a empolgar a torcida e ampliou a sequência de vitórias, sendo sete no Mineiro e quatro na Libertadores.

O Atlético chegou a 21 pontos, um a menos que o líder Cruzeiro, e não pode ser ultrapassado por América-MG e Tupi, quinto e sexto colocados. Os dois podem atingir 21 pontos, mas somariam apenas seis vitórias, enquanto o time atleticano já venceu sete partidas.

Apesar da vitória, o meia-atacante Bernard deu um susto nos atleticanos. Em disputa de bola ainda no primeiro tempo, o jovem atleta caiu em cima do ombro esquerdo e deixou o campo chorando. Segundo o médico Rodrigo Lasmar, o jogador sofreu uma luxação e tem previsão para voltar a atuar.

O Tupi, que entrou em campo precisando vencer para voltar ao G-4, sofreu a segunda derrota no Estadual e permaneceu com 12 pontos. Apesar de terminar a rodada fora da zona de classificação para as semifinais, o time de Juiz de Fora está a um ponto do Tombense, quarto colocado, e segue na briga por vaga.

O Atlético tentou se impor no início da partida, mas encontrou dificuldade com a marcação do Tupi, que não se intimidou no Independência e foi para cima do time da casa. Sem poupar titulares, Cuca mandou a campo o que tinha à disposição. Apenas Pierre e Leonardo Silva, suspensos, ficaram de fora do jogo.

Apesar da dificuldade, o Atlético abriu o placar aos 17min. Réver recebeu de Jô e bateu de fora no canto direito do goleiro Tadeu. O zagueiro marcou o quinto gol e agora divide a artilharia do Mineiro com o atacante Fábio Júnior, do América-MG.

O Atlético ampliou aos 25min. Depois de Ronaldinho Gaúcho cobrar falta a acertar o travessão, Jô pegou o rebote e tocou de cabeça para o gol, com o goleiro batido no lance. Depois da contusão de Bernard, aos 30min, o time alvinegro diminuiu o ritmo e segurou o resultado parcial.

Logo aos 6min do segundo tempo, Jô aproveitou cruzamento de Ronaldinho e mandou de cabeça para o gol. Porém, a arbitragem anulou o lance assinalando equivocadamente impedimento do atacante atleticano.

O Atlético manteve o ritmo e chegou ao terceiro gol aos 13min. Jô recebeu na área e chutou cruzado. Na sobra, Josué bateu para o gol e a bola ainda tocou no goleiro antes de entrar. Cinco minutos depois, numa boa trama do ataque atleticano, Ronaldinho Gaúcho bateu no canto esquerdo do goleiro Tadeu para ampliar o marcador.

Aos 44min, o Tupi diminiu com Alonso, que cobrou falta rasteira e aproveitou que a barreira do Atlético pudou para acertar o canto esquerdo do goleiro Victor.

Fonte: UOL