Atlético-PR desbanca São Paulo

São Paulo ver a sequência de sete vitórias seguidas ser quebrada

O tabu de nunca ter vencido o Atlético-PR na Arena da Baixada continua na história do São Paulo. A equipe comandada por Ricardo Gomes enfrentou a equipe rubro-negra, neste domingo, fora de casa, e foi derrotada por 1 a 0, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado faz o Palmeiras se isolar na liderança, agora quatro pontos à frente do rival da capital, e faz o São Paulo ver a sequência de sete vitórias seguidas ser quebrada.

Em Campeonatos Brasileiros foram 17 jogos entre São Paulo e Atlético-PR. Nove vitórias atleticanas e sete empates. A única vitória são-paulina foi em 1982 - 3 a 1 -, mas a partida não aconteceu em gramado atleticano. O jogo foi realizado no Estádio Couto Pereira.

O duelo deste domingo marcou também a inauguração de um novo setor nas arquibancadas da Arena. O setor denominado Brasílio Itiberê, abrigou outros torcedores que, depois de dez anos, encerrou as intermináveis provocações rivais com o apelido de meio-estádio na Arena da Baixada.

Com a vitória, o Atlético-PR vai a 27 pontos e tenta se distanciar ainda mais da zona de rebaixamento para Série B nacional. O São Paulo, por outro lado, depende do resultado da partida entre Santos e Goiás para saber se continuará na vice-liderança da competição, com 36 pontos.

A partida desta tarde na Arena ficará marcada pela forte marcação de ambos os times e pela baixa qualidade técnica das equipes. Os goleiros pouco trabalharam. Rogério Ceni fez duas importantes defesas e Galatto também.

O único gol da partida saiu aos 41min do segundo tempo. Gabriel cruzou na área e Paulo Baier apareceu de cabeça para decretar a vitória atleticana em casa.

Outro fato curioso foi a entrada de Dagoberto em campo. O ex-atleticano entrou como titular e, desde o apito inicial do árbitro, foi xingado pela torcida. Na saída de campo para a entrada de Hugo, o camisa 25 ouviu o grito "Eiro, eiro eiro! Dagoberto pipoqueiro".

Fonte: Terra, www.terra.com.br