Atlético-PR tira invencibilidade do Luxa no Fla

O resultado levou a equipe de Curitiba a 53 pontos, na quinta colocação

O objetivo do Atlético-PR de conquistar uma vaga na Copa Libertadores de 2011 segue vivo. Neste domingo, a equipe da capital paranaense venceu por 1 a 0 o Flamengo, em Volta Redonda, e voltou a se aproximar do G-4 do Campeonato Brasileiro. Paulo Baier marcou o gol que definiu a primeira derrota da equipe carioca sob o comando do técnico Vanderlei Luxemburgo.

O resultado levou a equipe de Curitiba a 53 pontos, na quinta colocação, apenas dois atrás do Botafogo - primeiro time dentro da zona de classificação para a competição continental. Já o time da Gávea parou nos 40 pontos e está apenas quatro acima da degola.

Novidade no time titular do Flamengo, o jovem meia Negueba quase abriu o placar aos 2min. Val Baiano tentou ajeitar na entrada da área e a bola sobrou para o garoto, que chegou batendo, mas pegou muito mal na bola e mandou longe. Os visitantes responderam no minuto seguinte, em tabela que terminou com finalização para fora de Paulo Baier.

Mesmo com Deivid, aberto pela direita, fazendo partida muito apagada, as melhores jogadas dos cariocas nasciam por aquele lado. Aos 8min, Léo Moura entrou na área, limpou o zagueiro duas vezes e chutou por cima do travessão. O jogo era aberto e, aos 16min, Vítor saiu cara a cara com Marcelo Lomba, mas chutou em cima do goleiro flamenguista e perdeu chance incrível.

No banco, Luxemburgo reclamava muito da arbitragem e de seus jogadores - tanto que acabou advertido pelo juiz José Henrique de Carvalho. Em campo, o jogo era fraco tecnicamente. Aos 31min, boa jogada individual de Negueba: o garoto partiu para o drible na entrada da área e limpou a jogada, mas voltou a chutar muito mal.

O Atlético-PR abriu o placar aos 39min. Guerrón deu passe para Nieto na área e o centroavante argentino foi derrubado por um carrinho de Maldonado. Paulo Baier foi para a cobrança do pênalti e chutou forte no meio do gol, deixando os curitibanos em vantagem.



Os comandados de Sérgio Soares recuaram no segundo tempo, mas o Flamengo seguiu sem inspiração na frente, sem conseguir criar lances perigosos. A primeira chegada foi só aos 16min, quando Renato Abreu chutou e a bola passou perto do travessão do goleiro Neto.

O time paranaense tentava administrar a vantagem, mas seguia tomando sustos. Aos 27min, Marquinhos recebeu e chutou rasteiro, para boa defesa de Neto. Com 39min, Renato levantou na segunda trave e Diego Maurício bateu de primeira, exigindo intervenção espetacular do goleiro atleticano, convocado por Mano Menezes para a Seleção Brasileira.

Recuado, os visitantes não conseguiam sair do campo de defesa. O Flamengo pressionou até o apito final, mas não conseguiu converter em gols o sufoco que impôs à retaguarda adversária.

FICHA TÉCNICA

Flamengo 0 x 1 Atlético-PR

Gol

Atlético-PR: Paulo Baier, aos 39min do 1º tempo

Ponto Forte do Flamengo

Foi para cima no segundo tempo e por pouco não empatou

Ponto Forte do Atlético-PR

Marcou com disciplina e apostou nas subidas dos laterais

Ponto Fraco do Flamengo

Mostrou muita desorganização e falta de criatividade na frente

Ponto Fraco do Atlético-PR

Recuou de forma excessiva no segundo tempo e não conseguiu encaixar contragolpes

Personagem do jogo

Paulo Baier, que foi o jogador mais lúcido em campo e fez o gol da vitória

Esquema Tático do Flamengo

4-2-3-1

Marcelo Lomba; Léo Moura, Welinton, Ronaldo Angelim e Juan; Willians (Correa) e Maldonado; Deivid (Diego Maurício), Negueba (Marquinhos) e Renato Abreu; Val Baiano. Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Esquema Tático do Atlético-PR

4-2-3-1

Neto; Wagner Diniz, Manoel, Rafael Santos e Paulinho; Deivid (Olberdam) e Vítor; Guerrón (Márcio Azevedo), Paulo Baier e Iván González (Bruno Mineiro); Nieto. Técnico: Sérgio Soares

Cartões amarelos

Flamengo: Negueba, Maldonado, Deivid e Renato Abreu

Atlético-PR: Paulinho, Deivid, Nieto, Iván González e Olberdam

Árbitro

José Henrique de Carvalho (SP)

Local

Estádio Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)

Fonte: Terra, www.terra.com.br