Alonso quer R$ 320 milhões para seguir na Ferrari até 2019, diz revista

Alonso quer R$ 320 milhões para seguir na Ferrari até 2019, diz revista

Ao pedir 90 milhões de euros por mais três anos com a Mercedes, Lewis Hamilton deixou o circo da Fórmula 1 em polvorosa. Agora, é a vez de Fernando Alonso estabelecer valores estratosféricos para negociar a renovação de seu contrato com a Ferrari, válido até o fim de 2016. Segundo a revista italiana "Autosprint", o piloto espanhol quer 105 milhões de euros (cerca de R$ 320 milhões) para seguir no time de Maranello até o término da temporada 2019.

Caso o novo contrato seja aprovado pelo comando da equipe, o bicampeão mundial receberia 35 milhões de euros (cerca de R$ 105 milhões) por cada temporada. Nas últimas semanas, os bastidores da principal categoria do automobilismo mundial foram tomados por rumores sobre uma possível transferência de Alonso para a McLaren, equipe pela qual o espanhol teve uma atribulada passagem em 2007. A fornecedora japonesa Honda, que retomará sua histórica parceria com a escuderia inglesa a partir do próximo ano, teria manifestado o desejo de ter Alonso ao lado de Jenson Button. Se optar pela renovação com a Ferrari, o bicampeão deverá encerrar sua carreira na equipe italiana, já que terá 38 anos ao término da temporada de 2019.

Apesar de não esconder a insatisfação com o rendimento da Ferrari nos últimos anos, Alonso tem adotado um discurso de compreensão e parcimônia ao falar da equipe. Mesmo tendo poucas chances de brigar pelo título, o espanhol está dando um banho no companheiro Kimi Raikkonen, com resultados superiores aos do finlandês em todas as 11 etapas disputadas até agora.

Com 115 pontos e o quarto lugar no Mundial de Pilotos, ele diz que está conseguindo tirar o máximo de desempenho de seu carro e defende que a preparação da escuderia para a próxima temporada tenha o claro objetivo de desbancar a soberana Mercedes.

Fonte: Globo Esporte