Filho de ex-F-1 é anunciado por STR e se tornará mais jovem piloto da história

Filho de ex-F-1 é anunciado por STR e se tornará mais jovem piloto da história

A STR surpreendeu nesta segunda-feira ao anunciar que sua dupla de pilotos para a próxima temporada incluirá o jovem Max Verstappen, que tem 16 anos atualmente e até o fim de 2013 andava apenas de kart, sem experiência em monopostos. Ele será companheiro do russo Daniil Kvyat, de 20 anos, formando a dupla mais precoce da história da categoria. Com isso, o francês Jean-Eric Vergne perde sua vaga na equipe e precisará buscar um outro lugar para seguir na categoria. Max é filho do folclórico ex-piloto holandês Jos Verstappen, que foi companheiro de Rubens Barrichello e Michael Schumacher em sua passagem na Fórmula 1.

O anúncio foi feito por Helmut Marko, consultor da RBR e da STR e responsável pelo programa de jovens pilotos da companhia. Max celebrou a oportunidade precoce. - Desde que eu tinha sete anos, a Fórmula 1 tem sido a meta da minha carreira, então essa oportunidade é realmente um sonho realizado. Com o retorno do nome Verstappen para a Fórmula 1, eu espero poder reviver velhas memórias e espero ver muitos fãs em todos os GPs– disse Max Verstappen.

Completando 17 anos no dia 30 de setembro, ele se tornará o piloto mais jovem a correr na Fórmula 1, superando a marca do espanhol Jaime Alguersuari, que tinha 19 anos e 125 dias no GP da Hungria de 2009. Na última semana, Max havia sido contratado para o time de desenvolvimento da RBR. Apesar da pouca idade, Verstappen tem um currículo promissor. Até o fim de 2013, ele ainda corria de kart, colecionando títulos em campeonatos nacionais na Bélgica e na Holanda e em torneios internacionais. Após ter sua primeira experiência em um monoposto em outubro daquele ano, Max ingressou na Fórmula 3 Europeia onde rapidamente começou a chamar a atenção. Com oito vitórias em 27 corridas ele é o vice-líder da competição.

Fonte: Globo Esporte