Bahia demite Joel Santana após levar goleada do rival Vitória no domingo

Um dos nomes cotados para assumir Joel Santana é o de Renato Gaúcho.

Durou apenas sete partidas a quarta passagem de Joel Santana pelo Bahia. A goleada de 7 a 3 sofrida para o Vitória no último domingo, na Arena Fonte Nova, no primeiro jogo da final do Campeonato Baiano, acabou selando o destino do comandante. Uma reunião da diretoria na manhã desta segunda acabou definindo a demissão do técnico que, curiosamente, havia assumido a equipe após outra goleada sofrida para o rival.

Um dos nomes cotados para assumir Joel Santana é o de Renato Gaúcho, que já comandou o time. O nome de Cristóvão Borges, ex-Vasco, também agrada a diretoria baiana.

Em sete partidas sob o comando de Joel Santana, todas pelo Campeonato Baiano, o Bahia acumulou duas vitórias, duas derrotas e três empates, tendo um fraco aproveitamento de 42,8%.

Antes de Joel deixar o Bahia, o dirigente Paulo Angioni já havia deixado o cargo momentos após o jogo do último domingo. André Araújo, gerente de futebol, também saiu. Não está descartada uma lista de dispensas, que deve contar com nomes como o do goleiro Marcelo Lomba e do zagueiro Titi, ambos muito vaiados na vexaminosa derrota.

Fonte: Terra