Barrichello irado após erro: "Não quero ouvir o blá, blá, blá...""

Um erro na troca das mangueiras de abastecimento no segundo pit stop custou ao brasileiro a liderança no GP da Alemanha

Rubens Barrichello parecia caminhar finalmente para sua primeira vitória na temporada. Com uma estratégia ousada, assumiu a ponta na largada, ao superar Mark Webber, e abriu boa vantagem. Só que a Brawn GP atrapalhou os planos do piloto. Um erro na troca das mangueiras de abastecimento no segundo pit stop custou ao brasileiro a liderança no GP da Alemanha, vencido por Webber. Rubinho terminou em sexto e caiu da segunda para a quarta colocação no Mundial. Clique ao lado e veja como foi a trapalhada!

- Acho que a estratégia deu errado. Foi uma boa demonstração da equipe de como perder uma corrida. Estou muito chateado pelo jeito que as coisas andaram. Fiz exatamente o que tinha de fazer. Assumi a primeira posição na primeira curva e eles me fizeram perder a corrida. Se isso continuar a acontecer, vamos perder os dois campeonatos. Sinto muito por mim mesmo, pela equipe. Para ser bem honesto, queria poder entrar no avião e ir para casa. Não quero falar com ninguém na equipe. Não quero ouvir o "blá, blá, blá" da equipe - diz um irritado Barrichello, em entrevista à rede de TV inglesa BBC.

Na primeira parada, a equipe inglesa segurou Barrichello por um segundo a mais nos boxes, o que fez com que o brasileiro voltasse atrás de Felipe Massa, da Ferrari, e perdesse 20 segundos durante seu segundo trecho na corrida.

Como se não bastasse, a Brawn ainda cometeu uma trapalhada no segundo pit stop, quando errou a mangueira de reabastecimento. Para completar, a equipe ainda fez uma discreta troca de posições na terceira parada, quando chamou Button aos boxes antes do brasileiro, invertendo a condição de pista.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com