Barrichello se diz decidido a continuar em 2010

No ano passado, já havia demonstrado que ainda não queria parar

 Piloto mais velho no grid atual da F-1, o brasileiro Rubens Barrichello, 37, afirmou nesta sexta-feira que está decidido a permanecer na F-1 em 2010. Nesta semana, o chefe executivo de sua equipe, a Brawn GP, indicou que a dupla de pilotos da escuderia deve permanecer para a próxima temporada.

O time lidera o Mundial de Construtores, com 126 pontos, contra 98,5 da Red Bull, segunda colocada. Entre os pilotos, conta com os dois que lideram a corrida pelo título desta temporada, o inglês Jenson Button, com 72 pontos, e Barrichello, vice-líder com 54. "Estou 100% decidido a seguir na F-1. No ano passado, já havia demonstrado que ainda não queria parar. Mas, certamente, este ano não quero ficar na mesma situação do ano passado, quando tive que esperar muito", disse Barrichello, vencedor da última etapa da categoria, em Valência. Neste final de semana, será disputado o GP da Bélgica, em Spa-Francorchamps, o 12º do ano. O

s treinos classificatórios começam às 9h de sábado (horário de Brasília), mesmo horário da corrida, no domingo.

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br