Bernardinho admite retorno de Marlon ao banco

Bruninho, recuperado da gripe, volta à equipe na terceira etapa do Mundial de Vôlei.

O levantador Marlon deve voltar ao banco de reservas da seleção brasileira de vôlei no confronto desta segunda-feira (4) contra a República Tcheca pelo Mundial da Itália. O jogador, que sofreu com uma colite ulcerativa desde o início da competição, já retornou aos treinamentos, mas dificilmente entrará em quadra na partida. O técnico Bernardinho explicou a situação.

- Jogar efetivamente é muito difícil, mas existe uma probabilidade grande de o Marlon ficar entre os 12 jogadores que enfrentarão a República Tcheca. O que seria uma grande ajuda.

A equipe brasileira, que disputou a segunda fase do Mundial em Ancona, agora jogará em Roma, na terceira etapa da competição. O time divide o Grupo R com Alemanha e República Tcheca e chegou à capital italiana neste domingo. O time já realizou um treino no ginásio onde ocorrerão as partidas.

- O ginásio é muito maior do que os das sedes anteriores e foi importante fazer este treino. Vamos focar no que tem ser feito para conseguirmos um bom resultado contra a República Tcheca.

Bernardinho ainda previu dificuldades para o próximo desafio da seleção.

- Eles têm jogado muito bem este Mundial. Na primeira fase eles venceram a Bulgária e fizeram um jogo duríssimo com a França. Depois ganharam dos Estados Unidos. Não será uma partida fácil. O nosso caminho não é simples.

Fonte: R7, www.r7.com