Campeão por duas vezes da Liga, Deco: "Libertadores é mais difícil"

Vestindo a camisa do Porto e do Barcelona, Deco conquistou duas vezes a Liga dos Campeões.


\"Bicampeão

Vestindo a camisa do Porto e do Barcelona, Deco conquistou duas vezes a Liga dos Campeões. A competição é considerada por muitos a mais difícil envolvendo clubes de futebol. No entanto, o retorno ao futebol brasileiro fez o apoiador mudar de ideia. Ano passado, pela primeira vez, ele disputou uma Libertadores em sua carreira. E mesmo com pouca experiência já deu o seu decreto: vencer o torneio sul-americano é mais complicado do que o europeu.

Segundo Deco, é mais difícil você ver grandes zebras na Liga dos Campeões. Ele lembra que as viagens para os jogos são mais curtas, que os campos são todos no mesmo nível e que por isso costuma vencer quem tem o melhor elenco ou quem está melhor preparado.

Na Libertadores isto não ocorre. As viagens são cansativas, os campos nem sempre estão em condições ideais e ainda por cima existem fatores externos como altitude e pressão da torcida nos alçapões sul-americanos. Por causa de tudo isso, os times acabam se igualando.

- Tudo isso equilibra um time inferior tecnicamente. Acho a Libertadores mais difícil não tanto pelo fator técnico e sim por essas questões externas. Lá na Europa acaba prevalencendo quem tem o melhor time - explicou Deco, que comemorou o fato de o Fluminense ter um elenco com muitas opções de qualidade para que possa disputar em alto nível duas competições de maneira simultânea.

- É um privilégio. Internamente não colocamos rótulos de titular ou reserva. Isso parte muito mais da imprensa. Temos é que jogar bem sempre e nas duas competições. Por isso todos sabem que uma hora ou outra a oportunidade vai aparecer - afirmou.

O Fluminense volta a entrar em campo no próximo sábado, às 19h30m (de Brasília), contra o Volta Redonda, no Raulino de Oliveira.

Fonte: Globo Esporte