Brasil vence Colômbia e pega a Espanha na final do Mundial de futsal

A seleção brasileira vai tentar seu sétimo título mundial.

O Brasil venceu a Colômbia por 3 a 1 nesta sexta-feira e vai de novo à final da Copa do Mundo da Fifa de futsal, com dois gols de Gabriel. Chega mais uma vez para enfrentar seu maior rival, a Espanha, que passou pela Itália ao fazer 4 a 1, na outra semifinal. A decisão do título acontece no domingo, às 10h30 (de Brasília), em Bancoc, na Tailândia.


Brasil vence Colômbia e pega a Espanha na final do Mundial de futsal

Brasil vence Colômbia e pega a Espanha na final do Mundial de futsal

A seleção brasileira vai tentar seu sétimo título mundial, enquanto que os espanhóis buscam o terceiro. Essas duas equipes se enfrentaram na decisão nas edições de 1996, 2000 e 2008 (em 2004 os espanhóis eliminaram os brasileiros na semifinal). Foram duas vitórias do time nacional, contra uma dos europeus.

Com base na campanha desta edição 2012, existe um pequeno favoritismo para o time espanhol, já que os brasileiros não tiveram vitória fácil nas partidas eliminatórias. Foi assim no duelo diante dos colombianos.

Um gol logo no primeiro minuto de partida, com Gabriel, em chute cruzado, deu a impressão de que o time brasileiro não teria problemas. Ainda mais que passou a tocar a bola, girar, e pareceu buscar espaços. Pois o tempo foi passando e, como nada acontecia, a situação foi desandando, e os erros apareceram, de passes, de chutes e de marcação.

A situação, aos poucos, virou um sufoco no time do Brasil, totalmente favorável aos colombianos, o que só irritava o time. Vinícius, o único aparentemente lúcido no time, reclamava do posicionamento e era quem tentava chutar.

Mas, aos 18min, veio o castigo: numa saída errada e contra-ataque rápido, Toro fez o gol de empate que fechou a primeira etapa em 1 a 1.

No segundo tempo, Falcão entrou logo no começo para virar a situação. Só que Gabriel continuou a ser decisivo. E aos 7min, em outro chute forte ao gol, conseguiu fazer o gol, 2 a 1 no placar.

Dois minutos depois, ele de novo no ataque, foi cruzar, e Toro fez outro gol, agora de cabeça, só que contra, garantindo 3 a 1 para os brasileiros.

Fonte: Folha