Brasileirão: Fla volta aos campos e joga com Sport pela 1º rodada

Os clubes rubro-negros se enfrentam pela primeira rodada do nacional, às 18h30m (de Brasília), na Ilha do Retiro.

Deu muita saudade. Foram dois anos que mais pareceram séculos para os torcedores do Sport sem poder ver o time na Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro. Foi angustiante para a torcida do Flamengo. Vinte e sete longos dias de espera para ver a equipe novamente em campo. Quase um mês sem um joguinho sequer, nem amistoso. A saudade e a angústia chegam ao fim neste sábado. Os clubes rubro-negros se enfrentam pela primeira rodada do nacional, às 18h30m (de Brasília), na Ilha do Retiro.

O último jogo do Flamengo foi em 22 de abril, na eliminação para o Vasco na semifinal da Taça Rio. De lá para cá, treinos técnicos, físicos, táticos e um bocado de interrogações. Ao longo das férias forçadas, pouca coisa andou no clube. O principal reforço, o volante Ibson, só chega na segunda-feira. Além dele, foram contratadas peças de reposição: Wellington Silva, Amaral e Jorge Luiz. Só os dois primeiros viajaram ao Recife com a delegação.


Brasileirão: Fla volta aos campos e joga com Sport pela 1º rodada

Em treino no Recife, Joel Santana tem papo com o grupo (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)

Para piorar, Ronaldinho Gaúcho deslizou na semana da estreia. No treino previsto para as 9h30m da última quarta-feira, ele chegou ao Ninho do Urubu no horário marcado e escoltado pelo carro de sua equipe de segurança, mas não teria condições ideais para trabalhar.

Na avaliação de membros da comissão técnica, o jogador se apresentou aparentemente sob efeito de álcool da noite anterior. Alegou dores musculares e pediu para não treinar, mas foi correr em volta do campo a pedido do diretor de futebol do clube, Zinho. Nesta sexta, Zinho deu sua versão sobre o episódio e negou. O GLOBOESPORTE.COM, porém, mantém a versão publicada.

Envolvido com a final do Pernambucano, o Sport só teve uma semana para trabalhar para a estreia no Brasileirão. O clube anunciou apenas três contratações, mas só o atacante Felipe Azevedo, artilheiro do Cearense, fará sua estreia. O zagueiro Diego Ivo e o lateral esquerdo Reinaldo, ambos do Paulista de Jundiaí, estão regularizados, mas não foram relacionados para a partida.

A outra mudança foi no comando da equipe. Ao perder o título para o Santa Cruz, o técnico Mazola Júnior acabou demitido do cargo. O substituto, Vágner Mancini, só chegou ao Recife na tarde desta sexta-feira e não vai comandar o time. Quem estará em campo será o auxiliar técnico Gustavo Bueno. Mancini vai apenas assistir ao jogo no camarote da Ilha do Retiro.

Fonte: Globo