Brasileiro: Flamengo esquece passado para enfrentar o Guarani

Brasileiro: Flamengo esquece passado para enfrentar o Guarani

Ameaçadas pelo rebaixamento, equipes duelam no Engenhão, neste sábado (20)

Ao longo da semana, o discurso no Flamengo foi uníssono: o jogo contra o Guarani neste sábado (20), às 19h30, no Engenhão, é decisão. Como todo duelo decisivo, erros não serão perdoados. Assim, o dramático confronto do primeiro turno entre ambos, em Campinas, serve de alerta para os cariocas.

Isso porque o Rubro-Negro vencia a partida no Brinco de Ouro até os 45min do segundo tempo, quando sofreu incrível virada e deixou o campo derrotado. Antes, Marcelo Lomba já havia defendido um pênalti, o que deu a impressão de que a vitória estaria assegurada.

O vacilo custou caro ao Flamengo, que chega à 36ª rodada lutando contra o rebaixamento, em 14º lugar, com 40 pontos. Já a impressionante vitória deixa o Guarani ainda com chance de escapar da queda, em 17º, com 37 pontos.

A proximidade das equipes na tabela de classificação e a ameaça pelo descenso dão tons dramáticos a esse duelo no Engenhão. Convocada, a torcida do Flamengo deve lotar o estádio.

Confirmado na equipe flamenguista ao lado de Deivid, o atacante Diogo, que esteve em campo naquele dia 29 de agosto, prefere esquecer a derrota e esbanja confiança.

- Não estamos pensando nisso. O pensamento é em uma vitória na partida contra o Guarani. Se fizermos gols e jogarmos bem, não terá cobrança. Nosso objetivo é esse. Esperamos que o ataque funcione e que a dupla possa se sair bem.

O duelo é tratado com tamanha importância na Gávea que a presidente do clube, Patrícia Amorim, compareceu nas duas primeiras atividades do elenco na semana. Primeiro, deu um puxão de orelhas, mas, em seguida, passou apoio aos jogadores, que não vencem há cinco rodadas. Luxemburgo elogiou a iniciativa.

- É uma chamada da presidente do clube que quer, como nós, que a coisa possa fluir. Ela vem sempre aqui, é uma pessoa maravilhosa, quer que a coisa seja resolvida. Ela falou, é mandatária do clube.

Em campo, Petkovic voltou ao banco de reservas, com Renato retornando. Kleberson também ganha vaga no meio-campo. Diego Maurício e Val Baiano foram barrados.

No Guarani, o treinador Vágner Mancini não poderá contar com o volante Renan e nem com o atacante Ricardo Xavier, machucados. Com isso, Maycon e Mazola entram no time.

- Sabemos que precisamos ganhar os nossos próximos três jogos. O abatimento pode ser grande, mas não jogamos a toalha, pois não nos consideramos ainda na Série B. Se ganharmos do Flamengo teremos boas chances de escapar.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO x GUARANI

Local: Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 20 de novembro de 2010 (sábado)

Horário: 19h30(de Brasília)

Árbitro: Wilton Sampaio (DF)

Assistentes: Cesar de Oliveira Vaz (DF) e João Paulo Neto (DF)

FLAMENGO: Marcelo Lomba; Leonardo Moura, Welinton, Ronaldo Angelim e Juan; Correa, Willians, Kleberson e Renato Abreu; Deivid e Diogo

Técnico: Vanderlei Luxemburgo

GUARANI: Emerson, Apodi, Aislan, Aílson e Márcio Careca; Maycon, Baiano, Diego Barboza (Paulinho) e Preto; Mazola e Geovane

Técnico: Vágner Mancini

Fonte: R7, www.r7.com