Carlos Aidar confirma renúncia à presidência do Tricolor Paulista

Renúncia está confirmada para terça-feira

Sem condições políticas de permanecer no cargo, Carlos Miguel Aidar vai renunciar à presidência do São Paulo na próxima terça-feira. A decisão foi comunicada por Aidar a um site. "Já convoquei. Tantos os diretores renunciantes como os líderes de partidos", afirmou.

O principal grupo de aliados a Aidar, o Participação, comunicou em carta que estava retirando o apoio ao presidente. O partido pressionava pela demissão do dirigente.

A crise no clube ficou incontrolável nesta semana, depois que o vice-presidente de futebol, Ataíde Gil Guerreiro, foi exonerado após agredir Aidar.  Depois da renúncia de Aidar, Leco assumirá a presidência, e deverá convocar eleições em até 30 dias. 

Image title

Fonte: iG