Ceni treina com bola e pode voltar em até duas semanas

Goleiro está adiantado na recuperação e deixa fisioterapeuta surpreso

A grande novidade do São Paulo na tarde desta quarta-feira foi o primeiro treino de Rogério Ceni com bola. Surpreendendo a todos, o capitão colocou as luvas e fez um trabalho específico com o preparador físico Sérgio Rocha de defesas e reposições de bola. Esta atividade, no calendário previsto pelos médicos e fisioterapeutas, aconteceria somente em duas ou três semanas, o que mostra o tempo que o goleiro está adiantado no processo.

- Para um primeiro dia de trabalho com bola está excelente. No começo eu já dizia que tudo pode acontecer quando se trata do Rogério. Estamos muito satisfeitos. Ele costuma se recuperar rápido, mas estou até surpreso. Ele quebra recordes também na fisioterapia. Este trabalho de hoje só aconteceria daqui a duas ou três semanas - ressaltou Luiz Rosan, fisioterapeuta do São Paulo.

Ceni fraturou o tornozelo esquerdo no dia 13 de abril, em um treino no CT da Barra Funda. Foi operado no mesmo dia. Como o capitão fez o primeiro treino a cinco dias de completar três meses no estaleiro, certamente voltará antes do prazo mínimo de quatro meses. Apesar de animado, Rosan primeiro quer ver como o goleiro vai se sentir após o trabalho no campo.

- Ele está treinando sem dor, mas vamos ver amanhã como ele evolui. Temos que ver se o tornozelo vai inchar. Mas ele vai voltar com certeza antes da previsão mínima de quatro meses. Existe a chance de ele estar liberado para jogar entre duas e três semanas se tudo correr bem.

Fonte: Globo Esporte