"Certeza" de conquistas fez Ibson optar pelo Santos em sua volta

Peixe venceu quatro dos últimos cinco títulos que disputou

Ao assinar um contrato de quatro anos com o Santos, o volante Ibson, de 27 anos, fez uma aposta. A mesma que motivou o técnico Muricy Ramalho a trocar o Fluminense pelo Alvinegro Praiano, há três meses. Ambos utilizam o mesmo argumento para explicar a opção pelo Peixe: dizem que, na Vila Belmiro, as chances de conquista são maiores que nos outros clubes.

De fato, o Santos é o time da moda. Desde o início do ano passado, o clube disputou cinco competições (dois Campeonatos Paulistas, uma Copa do Brasil, um Brasileirão e uma Taça Libertadores) e levantou quatro troféus. Só não conseguiu o Brasileiro de 2010. Para Ibson, é o clube certo para quem desejava retornar ao país, após dois anos jogando na Rússia (ele foi comprado do Spartak Moscou).



- O Santos vem conquistando grandes títulos e possui uma estrutura muito boa. Por isso, tive a tranquilidade para assinar um contrato de quatro anos. É tempo suficiente para que eu possa ajudar a equipe a conseguir mais conquistas e ficar marcado na história do clube - disse.

Em dezembro, o Alvinegro Praiano disputará o Mundial Interclubes, no Japão. Para Ibson, seria perfeito iniciar sua trajetória na Vila Belmiro já ajudando o clube a conquistar sua terceira estrela. O jogador admite que a possibilidade de jogar essa competição também pesou em sua escolha.

- Havia outros clubes interessados, mas quando fiquei sabendo da proposta do Santos, um clube tão importante, vencedor, com um treinador de ponta e que tem o Mundial pela frente, não pensei muito - concluiu.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com